sexta-feira, 30 de abril de 2010

Gigantes da alimentação

Eles afastam o câncer e os problemas cardíacos, protegem a visão e ainda combatem as alergias que chegam a todo vapor com as estações frias. Com vocês, sete alimentos que fazem milagres ao corpo.

Você já deve estar cansado de saber: para crescer forte e saudável é preciso se alimentar bem. E quando o assunto é fortalecer o organismo, algumas comidinhas são melhores que outras, pois agem contra as doenças que ficam nos rondando, só esperando uma oportunidade para atacar.
Hoje, os cientistas já conhecem o poder de algumas substâncias que ajudam (e muito) a aumentar nosso esquadrão de defesa. A seguir, confira sete alimentos que atuam contra diversas doenças.

Brócoli: contra o câncer de mama

Um dos principais componentes do vegetal é o sulforafano, um fitoquímico com propriedades antioxidantes e capaz de estimular enzimas que desintoxicam o organismo. Essa substância é encontrada em uma quantidade 20 vezes maior no broto de brócoli. Estudos têm provado seu poder contra o câncer de mama. Um trabalho recente feito por pesquisadores da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, concluiu que ratos que receberam por via oral o sulforafano tiveram os tumores mamários inibidos.
Outra pesquisa, esta realizada pela Universidade de Warwick, na Inglaterra, também encontrou benefícios no consumo de brócoli, outra vez por causa da presença de sulforafano. Esse composto, além de ter ação anticâncer, seria responsável pela produção de enzimas que protegem os vasos sanguíneos (capazes de reverter males ao coração). Coma uma porção por dia.

Manga: reduz o risco de câncer bucal

Quem nunca se lambuzou comendo manga perde uma boa chance de se divertir - e de se proteger contra o câncer de boca. A fruta contém uma substância chamada lupeol, que pesquisadores da Universidade de Hong Kong acreditam ser potencialmente benéfica na redução do risco de desenvolver essa doença. "O lupeol bloqueia uma proteína natural que tem como função auxiliar o crescimento celular, reduzindo a disseminação do câncer", diz a nutricionista Beatriz Botéquio de Moraes, da Equilibrium Consultoria, em São Paulo.
O estudo, publicado no Journal of Cancer Research, concluiu que o lupeol diminui a propagação do câncer e reduz o tamanho do tumor. "A manga também é rica em betacaroteno e vitaminas C e E, que são substâncias antioxidantes", explica a nutricionista. Os antioxidantes, segundo ela, protegem as células da ação dos radicais livres - compostos gerados pelo metabolismo, que são capazes de danificar as células - diminuindo reações causadoras de doenças como o câncer. Coma três mangas por semana.

Aspargo: protege o coração

Quando digerimos carnes ou laticínios, o corpo produz homocisteína como resultado.
Esse aminoácido, caso fique em excesso no sangue, aumenta o risco de coágulos e de entupimento das artérias, além de poder originar a aterosclerose (entupimento das artérias). Comer vegetais e frutas ricos em folato, como o aspargo, é a solução para manter os níveis de homocisteína lá embaixo. Por quê? Simples: o nutriente reduz a concentração do aminoácido no sangue.
Um trabalho publicado no The American Journal of Clinical Nutrition, que acompanhou a dieta de 65 participantes, concluiu que o aumento de folato no sangue reduziu a homocisteína em diferentes graus, diminuindo, assim, a chance de problemas cardíacos. Oito aspargos cozidos no vapor garantem 20% da necessidade diária de folato para adultos.

Cenoura: mantém a retina saudável

Uma das mais famosas aliadas da saúde dos olhos é a vitamina A, que pode ser encontrada na cenoura, nas folhas de brócoli, na couve, no espinafre, no tomate, na manga, entre outros alimentos. Sem ela, pode ocorrer sensibilidade à luz e deficiência da visão noturna. Com apenas 100 gramas desse legume, as necessidades diárias de vitamina A são mais do que satisfeitas.
"O betacaroteno é a substância presente na cenoura que será transformada em vitamina A dentro do organismo. Ele é responsável pela coloração alaranjada do vegetal e ajuda a manter o desempenho dos receptores da retina, melhorando a visão", afirma a nutricionista Lara Natacci, mestre em ciências pela Universidade de São Paulo (USP) e sócia da Nutrivitta Assessoria Nutricional. Além disso, o betacaroteno é responsável por manter o bom estado da pele e das mucosas.

Tomate: limita os efeitos dos raios UV

Vai à praia no fim de semana? Então não esqueça o protetor solar e... o molho de tomate. Isso mesmo! Uma pesquisa realizada por pesquisadores das universidades de Manchester e de New Castle, no Reino Unido, chegou à conclusão de que as pessoas que comem cinco colheres (sopa) de polpa de tomate diariamente possuem 33% mais proteção contra queimaduras causadas pelos raios solares. É como se você tivesse passado bem menos protetor solar e obtivesse o mesmo efeito.
O destaque do fruto, que vem sendo apontado como um escudo contra os raios ultravioleta, é o licopeno, que também é conhecido por ser um poderoso antioxidante - daqueles que combatem os radicais livres e previnem diversos tipos de câncer. Além de ser uma boa economia, já que os cremes contra raios solares são caros, o tomate ainda é boa fonte de fibras, fundamentais para uma vida saudável.

Semente de girassol: combate alergias respiratórias

Chegam as estações frias e, de "brinde", os resfriados e alergias. É um tal de nariz coçando pra cá, de nariz vermelho pra lá. Pois saiba que algumas mudanças simples na dieta podem contribuir para aliviar essa situação - desde que elas reforcem o sistema imunológico.
Para isso, a semente de girassol é uma boa pedida, pois possui vitamina E que, suspeitam os cientistas, ajuda na tarefa. Essa vitamina protege as membranas das células contra a invasão de substâncias tóxicas e de radicais livres, preservando sua integridade. Uma das certezas que se tem é que a vitamina E é um excelente anti-inflamatório e antioxidante, o que é primordial para afastar o envelhecimento e proteger o sistema imunológico. Coma uma porção da semente torrada por dia.

Semente de linhaça: mantém os lábios hidratados

Toda mulher sabe que, para manter cabelo e pele saudáveis e brilhantes, não basta usar os melhores cremes e xampus. A alimentação é fundamental, porque possui algumas substâncias que agem de dentro para fora, como o ômega-3. "A semente de linhaça é rica nessa gordura benéfica, que vem sendo relacionada à saúde da pele", afirma Beatriz Botéquio de Moraes. São quase 20 gramas de ômega-3 em cada 100 gramas da semente.
Segundo a especialista, essa pode ser a justificativa para que o consumo de semente de linhaça mantenha os lábios hidratados. "O ômega-3 também atua reduzindo a produção de compostos inflamatórios, favorecendo a renovação celular", completa. Não só os lábios se beneficiam: um estudo publicado no Journal of the America Academy of Dermatology associou a deficiência de algumas gorduras essenciais, como é o caso do ômega-3, a sérios problemas de pele.

Fonte: Revista Vida Natural - Por Lúcia Nascimento

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Viagem de trem

Há algum tempo li um livro que comparava a vida a uma viagem de trem. Uma leitura extremamente interessante, quando bem interpretada.

Isso mesmo, a vida não passa de uma viagem de trem, cheia de embarques e desembarques, alguns acidentes, agradáveis surpresas em muitos embarques e grandes tristezas em alguns desembarques.

Quando nascemos, entramos nesse magnífico trem e nos deparamos com algumas pessoas, que julgamos, estarão sempre nessa viagem conosco, nossos pais.
Infelizmente isso não é verdade, em alguma estação eles descerão e nos deixarão órfãos do seu carinho, amizade e companhia insubstituível. Isso porém não nos impedirá que durante o percurso, pessoas que se tornarão muito especiais para nós, embarquem. Chegam nossos irmãos, amigos, filhos e amores inesquecíveis!

Muitas pessoas embarcarão nesse trem apenas a passeio, outras encontrarão no seu trajeto somente tristezas e ainda outras circularão por ele prontos a ajudar quem precise.

Vários dos viajantes quando desembarcam deixam saudades eternas, outros tantos quando desocupam seu assento, ninguém nem sequer percebe.

Curioso é constatar que alguns passageiros que se tornam tão caros para nós, acomodam-se em vagões diferentes dos nossos, portanto somos obrigados a fazer esse trajeto separados deles, o que não nos impede é claro que possamos ir ao seu encontro. No entanto, infelizmente, jamais poderemos sentar ao seu lado, pois já haverá alguém ocupando aquele assento.

Não importa, é assim a viagem, cheia de atropelos, sonhos, fantasias, esperas, despedidas, porém, jamais, retornos. Façamos essa viagem então, da melhor maneira possível, tentando nos relacionar bem com os outros passageiros, procurando em cada um deles o que tiverem de melhor, lembrando sempre que em algum momento eles poderão fraquejar e precisaremos entender, porque provavelmente também fraquejaremos e com certeza haverá alguém que nos acudirá com seu carinho e sua atenção.

O grande mistério afinal é que nunca saberemos em qual parada desceremos, muito menos nossos companheiros de viagem, nem mesmo aquele que está sentado ao nosso lado. Eu fico pensando se quando descer desse trem sentirei saudades. Acredito que sim, me separar de muitas amizades que fiz será no mínimo doloroso, deixar meus filhos continuarem a viagem sozinhos será muito triste com certeza, mas me agarro na esperança que em algum momento estarei na estação principal e com grande emoção os verei chegar. Estarão provavelmente com uma bagagem que não possuíam quando embarcaram e o que me deixará mais feliz será ter a certeza que
de alguma forma eu fui um grande colaborador para que ela tenha crescido e se tornado valiosa.

Amigos façamos com que a nossa estada nesse trem seja tranquila, que tenha valido a pena e que quando chegar a hora de desembarcarmos o nosso lugar vazio traga saudades e boas recordações para aqueles que prosseguirem a viagem.

Autor: Rafael Calazans

domingo, 25 de abril de 2010

Você é um vencedor!

O vencedor é uma pessoa que consegue realizar seus objetivos, vence suas próprias fraquezas e supera seus limites. O vencedor é otimista e têm como estratégias a determinação, humildade, vontade de aprender, compromisso, audácia, dedicação, experiência, desempenho e capacidade para alcançar vitórias no percurso de sua vida.

A vida é iniciada com uma vitória a partir do momento em que você superou milhões de espermatozóides que queriam chegar a sua frente para fertilizar o óvulo, e que lhe permitiu o direito de viver.

Você é um vencedor quando: aceita e aprende com a derrota; torna situações difíceis em fáceis; enxerga uma resposta para cada problema; escuta e aprende com os conselhos dos mais velhos, familiares, amigos e os transformam em benefícios aos outros; afirma que pode ser difícil, mas tudo é possível; chegou à velhice e afirma que apesar dos percalços, cada minuto vivido valeu a pena; faz algo de bom para as outras pessoas, sem esperar receber nada em troca; reconhece que se aprende nos momentos alegres e tristes, na juventude e na velhice, na miséria ou na riqueza; supera todas as adversidades que a vida lhe impõe e consegue resolver seus problemas do dia-a-dia.

Sinta-se um vencedor quando consegue: com seu exemplo, educar seus filhos através de princípios e valores morais; afastar ou tirar seu filho das drogas; sustentar sua família com dignidade, mesmo ganhando um salário mínimo ou menos; um trabalho decente após a conclusão de seus estudos, através da sua capacidade; enfrentar, lutar e até livrar-se de uma doença difícil de cura; ser honesto em um país onde algumas autoridades dão exemplos negativos de corrupção, falcatruas e desonestidade; defender a paz e o convívio harmonioso entre as pessoas com diferenças raciais, religiosas e políticas; ter constituído um lar de pais e filhos, mesmo com uma sociedade pregando o individualismo; encontrar Deus em uma religião, enquanto o mundo apregoa o ateísmo.
Ser vencedor é tornar-se uma pessoa que coloca dignidade em sua vida com trabalho, honestidade, determinação e coerência, servindo-se de bom exemplo e inspiração para seus familiares e as outras pessoas.

Seja um vencedor reconhecendo e agradecendo a Deus por sua existência, seguindo Seus ensinamentos de amor, paz, fé, bondade e perdão para ter uma vida feliz e vitoriosa.

Por Professor José Costa

Mitos que prejudicam sua saúde

Ao menor sinal de um mal-estar, logo aparece um colega com uma dica infalível. E, na maioria das vezes, tais conselhos não têm fundamento científico.

Pouca gente sabe como eles surgem. Ou de onde vêm. Alguns, como "tomar banho após as refeições faz mal", são ensinados dentro de casa, de geração em geração. Outros, como "celular causa tumor cerebral", são propagados pela Internet. Sem qualquer comprovação científica, são repetidos tantas vezes que quase viram verdades absolutas. Quase! Há quem se dedique a decifrá-los. É o caso do cardiologista Fernando Lucchese, autor de Fatos & mitos sobre sua saúde. "Muitos são inventados pelas mães para amedrontar os filhos. Com o tempo, se desfazem sozinhos", afirma Lucchese, que, até pouco tempo atrás, acreditava, ele mesmo, em outro mito: o de que é preciso tomar, no mínimo, oito copos de água por dia.

Nem os médicos estão livres de acreditar em mitos. Não é por acaso que o artigo Medical myths even doctors believe (ou "Mitos médicos nos quais até os médicos acreditam"), escrito pelos pediatras americanos Aaron Carroll e Rachel Vreeman, causou tanto desconforto ao ser publicado no British Medical Journal. Nele, os autores listaram alguns mitos divulgados em consultórios como "comer à noite engorda".
"Acreditamos em mitos porque, na maioria das vezes, os ouvimos de pessoas confiáveis como pais, professores e médicos. O problema é que alguns, principalmente os relacionados à vacina, podem trazer consequências desastrosas para a saúde", alerta Carroll.

1 Beber água com açúcar acalma
A mistura pode até gerar certo alívio psicológico, mas não produz qualquer efeito tranquilizante. Tudo não passa do famoso "efeito placebo". Afinal, o açúcar é fonte de energia. E só. Na hora do estresse, o melhor a fazer é oferecer um chazinho de camomila ou de erva-doce a quem estiver nervoso.

2 Celular causa tumor cerebral
Vários estudos já tentaram estabelecer uma relação entre o uso de celular e o aparecimento de tumor, mas os resultados não comprovaram qualquer associação. Por enquanto, a única comprovação científica é que celular pode, sim, causar uma pequena interferência eletromagnética em aparelhos hospitalares.

3 Doar sangue engorda
Hematologistas afirmam: a doação de sangue não engorda. Mas, a propósito, por que engordaria? Nada é ingerido pelo doador ou infundido em sua veia. Nem tampouco emagrece. O volume doado, no máximo 450ml, é reposto pelo organismo nas primeiras 24 horas após o ato. A propósito, doar também não afina ou engrossa o sangue. Nem causa dependência.

4 Alimentos diet têm menos calorias
A finalidade de um produto diet não é ter menos caloria e, sim, eliminar algum ingrediente de sua composição, por exemplo, o açúcar, para atender quem precisa seguir dietas especiais, como os diabéticos. "Às vezes, para compensar a falta de açúcar, adiciona-se maior quantidade de gordura", alerta o endocrinologista Tércio Rocha.

5 Comer margarina é mais saudável do que manteiga
Enquanto a margarina é de origem vegetal, a manteiga é de origem animal. Mas isso não torna a primeira mais saudável. Seu processo de hidrogenação produz gordura trans, que aumenta o colesterol ruim (LDL) e reduz o bom (HDL).

6 Usamos apenas 10% do cérebro
Neurologistas afirmam que não há qualquer razão científica para se supor que apenas 10% do nosso cérebro seja utilizado. "Os neurônios estão sob permanente estimulação. Se utilizássemos apenas 10% de nossa capacidade
cerebral, 90% dos nossos neurônios já teriam morrido", afirma a neurologista Maria Eduarda Nobre.

7 Beber refrigerante direto na latinha causa leptospirose
A bactéria leptospira, responsável pela transmissão da doença, só sobrevive em ambientes com temperaturas elevadas, por volta dos 30°C, e latas de suco, cerveja ou refrigerante costumam ser servidas geladas. Além disso, a boca produz enzimas que neutralizam a ação desse microorganismo.

8 Vitamina C previne gripes e resfriados
Eis um mito que deve ter sido inventado pela indústria farmacêutica. Recente estudo australiano realizado
com 11 mil pessoas testou a suposta veracidade da afirmação. Metade tomou vitamina C e metade, placebo. Ao final, não houve diferença na incidência de gripe entre os grupos.

9 Assistir à TV de perto prejudica a visão
Os médicos garantem que tal hábito não prejudica a saúde dos olhos. E ler com pouca luz também não. Mas ressalvam: "Pode ser um indício de que a pessoa tem algum problema de visão, como a miopia. Pessoas com a visão normal se sentem incomodadas com a proximidade da tela", alerta o oftalmologista Luiz Pedro Dario.

10 Adoçantes com aspartame causam câncer
A Food and Drug Administration (FDA), órgão dos EUA que regula alimentos e remédios, já pôs fi m ao mito depois de garantir que o adoçante artifi cial é seguro para a saúde. A polêmica surgiu em 2005, quando a Fundação Ramazzini, na Itália, afi rmou que o aspartame teria causado leucemia e linfomas em camundongos.

11 Comer banana evita cãibra
Muitos acreditam que a fruta evita cãibra por ser rica em potássio. Acontece que a eventual falta desse mineral no organismo não provoca desconforto muscular. "A desidratação é a principal responsável pelas cãibras e isso ninguém previne com a ingestão de bananas", explica o ortopedista Rogério Teixeira da Silva.

12 Osteoporose só atinge mulheres
Por volta dos 50 anos, para cada três mulheres, um homem desenvolve a doença. "A partir dos 70 anos, a incidência é praticamente a mesma nos dois sexos", afi rma o geriatra Salo Buksman. As mulheres têm osteoporose mais cedo que os homens por causa da menopausa, que reduz a produção de estrógeno e compromete a absorção de cálcio pelos ossos.

13 Cerveja preta aumenta a produção de leite materno
Há quem diga que essa bebida aumenta o leite materno porque a cevada é fonte de proteínas, fibras e vitaminas. A ciência discorda."O que realmente influência na produção de leite é beber água", simplifica o obstetra Bruno Derbli. Um detalhe: bebidas alcoólicas são contraindicadas para mulheres em fase de amamentação.

14 Estresse causa úlcera no estômago
Não é o estresse que causa úlcera e, sim, uma bactéria chamada Helicobacter pylori."Cerca de 90% das úlceras duodenais e 60% das estomacais são provocadas por esse micro-organismo", calcula o gastroenterologista José Figueiredo Penteado. Já a correria diária, por pior que seja não é suficiente para provocar a doença.

15 Beber água em jejum emagrece
Água é essencial para o ser humano. Além de hidratar o organismo, leva nutrientes para as células, elimina toxinas e melhora o funcionamento do intestino. Mas não emagrece. "Em algumas pessoas, pode, no máximo, diminuir a vontade de ingerir alimentos, se tomada antes da refeição", pondera o endocrinologista Saulo Cavalcanti.

16 Rodelas de batata na testa e nas têmporas curam enxaqueca
Curar essa terrível dor de cabeça, as batatas não curam, mas aliviam o desconforto. "A aplicação local das batatas geladas, seja por resposta à vasoconstrição induzida pelo frio, seja por atuação nos circuitos da dor, pode trazer alívio. Mas não oferece a melhora rápida e completa de algumas medicações", observa o neurologista Bernardo Liberato.

17 Borra de café estanca hemorragia
Os homens do campo juram de pés juntos que passar borra de café em ferimentos e machucados é bom porque a bebida tem efeito anticoagulante. Segundo especialistas, tal atitude aumenta o risco de infecção no local. O melhor a fazer é comprimir o local afetado e correr para o pronto-socorro mais próximo.

18 Mel é bom para diabéticos
Esse mito parte do princípio, equivocado, de que tudo o que é natural é seguro e saudável. Nem sempre. O mel e a geleia real, por exemplo, têm alto teor de carboidratos. Em outras palavras: não é aconselhável o seu uso livre e continuado como substituto ao açúcar comum. Em excesso, o mel também engorda e eleva o nível de glicose no sangue.

19 Ler em veículo em andamento provoca descolamento de retina
O máximo que pode ocorrer, em alguns casos, é torcicolo, náuseas e tontura. "Algumas pessoas são mais vulneráveis à mudança constante da distância focal, ou seja, à variação da distância entre os olhos e o papel provocada pelo movimento do veículo", afi rma o oftalmologista Luiz Pedro Dario.

20 Faca fria impede que o "galo" cresça na testa
O popular "galo" nada mais é do que um edema ou hematoma no local de uma pancada. O mais indicado é colocar uma bolsa de gelo no local. Ou, então, acondicionar gelo num saco plástico e aplicar sobre o inchaço. "O frio inibe o aumento do hematoma porque causa vasoconstrição no local", explica o cardiologista Fernando Lucchese.

21 É bom limpar as orelhas com cotonete
Em vez de limpar, o cotonete, quem diria, pode ajudar a entupir ainda mais as orelhas. Na pior das hipóteses, pode também causar ferimentos no tímpano. "O cotonete só deve ser usado para limpar a parte de fora da orelha. Ou, no máximo, tirar a cera da entrada do canal", aconselha a otorrinolaringologista Patrícia Ciminelli.

22 Tomar banho frio após comer faz mal
Um banho refrescante após a refeição não faz mal algum à saúde. O que não se deve fazer - principalmente após esbaldar-se em um churrasco ou uma feijoada com os amigos - é mergulhar na piscina para mostrar seus dotes de recordista mundial dos 100metros livres. O esforço físico pode prejudicar o processo digestivo.

23 Café melhora a ressaca
O raciocínio é simplista: café melhora intoxicação alcoólica porque é estimulante. Certo? Errado. "Beber café é um paliativo que não resolve nada", adverte o gastroenterologista José Figueiredo Penteado. Em alguns casos, o melhor é deixar a pessoa dormir o tempo necessário até a ressaca passar. Em outros, é levá-lo, às pressas, para o hospital.

24 Fazer check-ups anuais é perda de tempo
A bateria de exames anuais é importante pelos mais diferentes motivos. O principal deles é que ajudam a detectar doenças ainda no estágio inicial, quando as chances de recuperação são maiores. "O check-up é fundamental, sobretudo em pessoas com fatores de risco", afirma o cardiologista Marco Antonio de Mattos.

25 Comer muito doce provoca diabetes
Vários fatores podem levar um indivíduo a sofrer de diabetes. A obesidade é um deles. O único risco que uma pessoa corre ao comer muito doce não é desenvolver diabetes e, sim, ganhar peso. "Mas a ingestão excessiva de outros alimentos também levaria ao aumento de peso", pondera o endocrinologista Saulo Cavalcanti.

26 Sutiã apertado causa câncer de mama
Não há estudo científico que comprove a relação entre o surgimento deste tipo de tumor e o uso do sutiã apertado. Para o mastologista Augusto César Lasmar, "o uso prolongado desta peça apertada pode, no máximo, causar uma inflamação na mama".

27 Vacina é coisa de criança
Hepatite A e B, Influenza, Tríplice Viral, Meningocócica C Conjugada e Febre Amarela são apenas alguns exemplos de vacinas para adultos. "Há vírus e bactérias no ar que podem atacar pessoas de qualquer idade. Por isso, todo mundo deve ser vacinado e não apenas as crianças", alerta a pediatra Maria Cristina Senna Duarte.

28 AVC e infarto só dão em pessoas mais velhas
A falta de controle de alguns fatores de risco, como estresse, sedentarismo, fumo e obesidade, tem aumentado o número de jovens que sofrem acidente vascular cerebral (AVC) e infarto. O pior é que, em indivíduos mais novos, o impacto das doenças cardiovasculares costuma ser mais fulminante.

29 Tomar friagem com o corpo molhado causa gripe
Pegar frio com o corpo molhado não causa gripe. Nem dormir com o ventilador ligado ou tampouco ficar com a geladeira aberta. "O que causa a doença é ter contato com alguém que tenha o vírus da gripe", sintetiza o pneumologista José Waldir Leopércio.

30 Comer à noite engorda
Um recente estudo realizado na Suécia revelou que comer à noite não engorda mais do que em outras horas do dia. "Jantar até duas horas antes de dormir, de preferência peixe ou frango grelhado, salada e arroz integral, não só não engorda como é necessário para não apresentar hipoglicemia durante o sono", aconselha a nutróloga Regina Mestre.

Por André Bernardo - Revista Vivasaúde

sábado, 24 de abril de 2010

Você é muito importante para mim

Caminha, sobe, desce escadas e não se preocupa comigo.
Conhece tanta gente importante, mas não me conhece, logo a mim, que o considero tão importante.
Corre, almoça, trabalha, canta, chora, ama, sorri, mas nunca me chama.
Corre com seu carro, mas nunca para meus braços.
Defende seu time, seu ator, mas não me defende no meio de seus amigos.
Entristece-se, depois se acalma, porém jamais me agradece.
Estuda e não me entende, ganha e não me ajuda, canta e não me alegra.
É tão inteligente e não sabe nada de mim.
É um corpo no mundo; sou um mundo em seu corpo!
Faz o que os outros lhe ordenam, mas não faz o que lhe peço com humildade.
Não tem tempo para nada, nem ao menos para pensar em mim.
Reclama dos maus-tratos, mas não valoriza o que faço por você.
Se está triste, culpa-me por isso, mas se está alegre não me deixa partilhar de sua felicidade.
Sente amor, ódio, menos minha presença.
Subiu na vida e pisa nos menos favorecidos.
Tem tudo e não me dá nada.
Sou alguém que todos os dias bate à sua porta e lhe pergunta:
— Há lugar para mim na sua casa, na sua vida e no seu coração?
— Sou JESUS CRISTO e quero, simplesmente, que me aceite.

Autor desconhecido

IDADE PARA SER FELIZ

IDADE PARA SER FELIZ

"Existe somente uma idade para a gente ser feliz. Somente uma época na vida de cada pessoa em que é possível sonhar, fazer planos e ter energia bastante para realizá-los, a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.
Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente e desfrutar tudo com toda intensidade sem medo nem culpa de sentir prazer.
Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida
à nossa própria imagem e semelhança, vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores e entregar-se a todos os amores sem preconceito nem pudor. Tempo de entusiasmo e coragem em que todo desafio é mais um convite à luta que a gente enfrenta com toda disposição de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO, e quantas vezes for preciso. Essa idade tão fugaz na vida da gente chama-se PRESENTE e tem a duração do instante que passa."

Autor desconhecido

quinta-feira, 22 de abril de 2010

JOGO DA VIDA

Jogo da Vida

No jogo da vida precisamos treinar muito e jogar bem.
Se nosso time sabe o que fazer em campo, sem se importar com a torcida contrária, a vitória desenhada nos vestiários, se tornará uma realidade.
É preciso, porém muito cuidado com os cartões vermelhos, é tudo o que o adversário deseja para os nossos atletas.
No jogo da vida o importante é não se preocupar com o placar (pois podemos estar perdendo), e não se preocupar com os ataques do outro time, mas fazer os gols necessários para a conquista da vitória.
Saber viver, saber enfrentar as pressões do dia-dia, saber driblar as dificuldades e olhar firmemente para o objetivo, deve ser o alvo de todo aquele que caminha, que corre e que vibra nos gramados da vida.
Evangelize...

O Pai, o Filho e o Espírito Santo. Amém.
Paz e bem! Fique com Deus, e Evangelizem!
Padre Marcelo Rossi

A Bíblia e a vida


Aprendam com a experiência de outras pessoas.
— Todas essas coisas sucederam a eles, como exemplos, como lições objetivas para nós, a fim de advertir-nos contra a prática das mesmas coisas. (I Coríntios 10:11).

Com demasiada frequência, amamos as coisas e usamos as pessoas, quando deveríamos usar as coisas e amar as pessoas.
— Amem-se uns aos outros com afeição fraternal e tenham prazer em honrar uns aos outros. (Romanos 12:10).

Existem ocasiões em que o silêncio vale ouro; em outras, não passa de covardia.
— Há tempo para todas as coisas. Tempo para manter silêncio e tempo para falar. (Eclesiastes 3:1,7).

Nem mesmo um mosquito recebe um tapinha nas costas sem começar a trabalhar.
— Trabalhe arduamente para que Deus possa dizer-lhe: Muito bem. Seja um bom obreiro, que não se envergonha quando Deus examina seu trabalho. (II Timóteo 2:15).

Nenhuma decisão que tomar será mais importante que aquela que se refere à pessoa com quem se casar.
— Portanto, deixará o homem seu pai e sua mãe e apegar-se-á à sua mulher; e serão ambos uma só carne. (Gênesis 2:24).

Nenhum cavalo leva a parte alguma, até que seja arreado. Nenhuma vida pode progredir, até que tenha uma meta, seja aplicada e disciplinada.
— Numa corrida todos correm, porém só uma pessoa consegue o primeiro prêmio. Para vencer a competição precisa renunciar a muitas coisas que o impediriam de fazer o melhor que pode. (I Coríntios 9: 24-25).

Nunca fui prejudicado por alguma coisa que não disse.
— Quem fala demais sempre diz o que não deve; o homem sábio e ajuizado consegue controlar suas palavras. (Provérbios 10:19).

O homem dissipará sua saúde para ficar rico; então, dará tudo o que ganhou para ter a saúde de volta.
— Que vantagem terá alguém se ganhar o mundo inteiro e perder sua vida? (Mateus 16:26).

O preço do sucesso é o trabalho duro, a dedicação ao trabalho que temos pela frente e a determinação para que, quer ganhemos, quer percamos, tenhamos aplicado o melhor de nós mesmos na tarefa proposta.
— Trabalhem arduamente e de bom ânimo em tudo quanto fizerem, tal como se estivessem trabalhando para o Senhor e não simplesmente para seus senhores. (Colossenses 3:23).

Pessoas, lugares e coisas jamais foram criadas com o propósito de nos dar vida. Somente Deus é o autor de uma vida plena.
— Vim para que tenham vida e a tenham em abundância. (João 10:10).

Quando nasceu, chorou e o mundo se alegrou. Viva de maneira tal que, quando morrer, o mundo chore e você se alegre.
— Todos lembram com alegria um homem bom. (Provérbios 10:7).

REFLEXÕES

REFLEXÕES.

A coisa mais linda de todas? O amor.
A distração mais bela? O trabalho.
A estrada mais rápida? O caminho correto.
A força mais potente do mundo? A fé.
A maior satisfação? O dever cumprido.
A pessoa mais perigosa? A mentirosa.
A pior derrota? O desalento.
A primeira necessidade? Comunicar-se.
A raiz de todos os males? O egoísmo.
A sensação mais grata? A paz interior.
As pessoas mais necessárias? Os pais.
O dia mais bonito? Hoje.
O maior erro? Abandonar-se.
O maior mistério? A morte.
O maior obstáculo? O medo.
O mais fácil de acontecer? Equivocar-se.
O mais imprescindível? O lar.
O melhor remédio? O otimismo.
O pior defeito? O mau humor.
O pior sentimento? O rancor.
O presente mais belo? O perdão.
O que mais faz feliz? Ser útil aos outros.
Os melhores professores? As crianças.

Autor desconhecido

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Estreia do Professor José Costa no Futsal

Depois de 30 anos de trabalho com equipes de basquete, voleibol e handebol pelos colégios Murilo Braga, Graccho e Salesiano, hoje, 19 de abril de 2010, fiz minha estreia no futsal com o Colégio O Saber, ao vencer o Colégio Opção por 5 a 2 no Campeonato Infanto masculino do SESI, que envolve 22 colégios da rede pública e particular de Itabaiana.

Parecia ser o início da minha vida profissional com o esporte, quando enfrentei o Colégio Presidente Vargas no basquete dos Jogos da Primavera, com o Murilo Braga. Passou um filme na minha cabeça, pois estava ansioso, nervoso e emocionado como naquela época. Com o início de um novo trabalho, sei das minhas limitações no futsal, haverá vitórias e derrotas, mas o mais importante é ter a consciência que continuarei educando novos alunos através do esporte, como venho fazendo há 30 anos e também aprendendo com eles.

É só o inicio de um novo projeto de trabalho, que espero ser prazeroso e gratificante.









domingo, 18 de abril de 2010

Ponto de vista da Revista Veja sobre as chuvas em São Paulo e no Rio de Janeiro

Capa da Revista Veja, em 10/02/2010: a tragédia causada pelas chuvas em São Paulo (governada há 15 anos pelo PSDB) é devida a "uma rara combinação de fatores atmosféricos".



Entretanto, segundo a capa da Revista Veja, em 14/04/2010: "culpar as chuvas é demagogia. Os mortos do Rio de Janeiro que o Brasil chora foram vítimas da política criminosa de dar barracos em troca de votos".



Deixa ver se eu entendi bem... quando pessoas morrem sob o governo do PSDB, a culpa é da natureza, mas quando acontece sob a administração de um partido aliado ao PT, a culpa é do governo. Isso que é uma imprensa imparcial!!!

O PIG (Partido da Imprensa Golpista) está se armando, desesperadamente, para tentar de todas as formas manipular a opinião pública a favor de José Serra e impedir, na base do golpe, a eleição de Dilma Roussef.

Por que permanecer na igreja católica?

Frei Timothy Radcliffe foi professor de Sagrada Escritura na Universidade de Oxford, na Inglaterra. Foi Mestre da Ordem (superior geral) dos Pregadores (dominicanos) de 1992 a 2001. É conhecido no mundo inteiro por suas análises corajosas sobre a sociedade contemporânea e a situação da Igreja, numa linguagem com um tom sempre moderno e livre.

No momento de uma crise na Igreja (fim de excomunhões dos tradicionalistas, o caso do bispo Williamson, o caso das excomunhões em Recife, a declaração do papa sobre os preservativos, etc), o jornal francês La Croix tem dado cada dia, a palavra a uma personalidade, para que exprima as razões de sua esperança. Abaixo, o testemunho de frei Timothy.


É um momento embaraçoso para quem é católico. No Vaticano, erros de comunicação, falta de comunicação interna, de consultas recíprocas e algumas declarações com palavras mal escolhidas provocaram violentas reações na imprensa e vigorosas intervenções de dirigentes internacionais. Tais fatos suscitaram aflição e escândalo em muitos católicos, mesmo em alguns bispos, e prejudicaram a reputação da Igreja. Algumas pessoas se perguntam como podem elas continuar a pertencer à Igreja.

Nós permanecemos porque somos discípulos de Jesus. Crer em Jesus não é adotar uma espiritualidade privada ou um código moral. É aceitar pertencer à sua comunidade, aqueles que ele chamou a segui-lo, a caminhar juntos. Segundo um velho adágio latino, Unus christianus, nullus christianus: um cristão isolado não é um cristão.

Mas, porque eu devo continuar sendo membro desta Igreja? Por que não posso eu me unir a uma outra comunidade cristã onde as posições oficiais ou o modo de agir sejam menos embaraçosos? Aqui tocamos no próprio cerne de uma compreensão católica da Igreja.

Desde o princípio, Jesus chamou para sua comunidade os santos e os pecadores, os sábios e os ignorantes. Ele disse: “Eu não vim chamar os justos, mas os pecadores” (Matheus 9,13). E ele continua a fazê-lo, senão não haveria lugar para alguém como eu. Uma comunidade admirável, com pessoas maravilhosas e virtuosas, que jamais errassem, não seria um sinal do Reino de Deus.

Uma vaga unidade espiritual não é suficiente

Eu não poderia nunca deixar a Igreja, pois creio que Jesus nos chama a vivermos juntos, como um só corpo. No evangelho segundo João, pouco tempo antes de sua morte, Jesus orou a seu Pai por seus discípulos a fim de que todos sejam um (João 17,21). Uma vaga unidade espiritual não é suficiente. Cremos na Encarnação, na Palavra de Deus que se fez carne. A Igreja Católica é um sinal visível, encarnado, da unidade à qual Jesus nos chama. Tenho uma imensa admiração por muitos cristãos que pertencem a outras Igrejas, seu exemplo me inspira, sua teologia me instrui. Mas, para mim, abandonar a Igreja Católica seria negar o apelo radical de Jesus de reunir os santos e os pecadores, os vivos e os mortos.

No coração de nossa vida cristã está a imensa vulnerabilidade da Última Ceia. Jesus coloca-se nas mãos de seus discípulos: Tomai, isto é o meu corpo, entregue por vós. Um dentre os discípulos o traiu, outro o negou, a maioria fugiu. Pertencer à Igreja é aceitar um pouquinho desta vulnerabilidade. Aceitamos estar implicados nos fiascos da Igreja, bem como em seu heroísmo, em sua tolice como em sua sabedoria, em seus pecados como em sua santidade. E a Igreja também me aceita com meus pecados e com minha estupidez. É por isso que ela é sinal e sacramento da unidade de todo gênero humano (Constituição Lumem Gentium, n. 1,1 Concílio Vaticano II).

Uma crise modesta comparada às sofridas por nossos antepassados

Entretanto, estamos bem num momento de crise na Igreja. Mas, as crises podem ser frutuosas. A Última Ceia foi a crise mais profunda que a Igreja conheceu: Jesus estava prestes a sofrer uma morte humilhante e a comunidade estava dispersa. A cada Eucaristia, nós nos recordamos de como Jesus fez daquela situação um momento da mais profunda intimidade, no dom de seu corpo e de seu sangue.

Após a Ressurreição, a Igreja estava dilacerada. Seriam os pagãos aceitos na Igreja e forçados a aceitar a Lei? A comunidade estava a ponto de desmoronar, mas ela sobreviveu para se abrir também a nós, os pagãos. Após o martírio de Pedro e Paulo, muitos acreditavam que Jesus estava para voltar em breve. Mas não foi o que aconteceu. Esta foi uma crise imaginável da esperança, mas ela levou a se redigir os evangelhos. Toda crise, se ela for vivida na fé, conduz a uma renovação e a uma vida nova.

A crise que padecemos neste momento é realmente modesta, se comparada àquelas sofridas por nossos antepassados. A crise modernista, há um século, foi bem mais severa. Porém, esta nossa pequena crise pode ser frutuosa se nós a vivermos na fé.

Por Timothy Radcliffe

Texto publicado no jornal francês La Croix, no dia 31 de março de 2009.
Tradução do original em língua francesa por André Tavares, OP.

sábado, 17 de abril de 2010

O basquete do Colégio Estadual "Murilo Braga" nos Jogos da Primavera


Abertura dos Jogos da Primavera, em Aracaju, 1987.


Jogos da Primavera, 1989.


Jogos da Primavera, 1988.


Jogos da Primavera, 1986.


Jogos da Primavera, 1985.

Por Professor José Costa

sexta-feira, 16 de abril de 2010

ALGUMAS DAS MELHORES COISAS DA VIDA

ALGUMAS DAS MELHORES COISAS DA VIDA.

Abraçar a pessoa amada.

Acordar e perceber que ainda faltam algumas horas para dormir.

Apaixonar-se.

Beijar na boca.

Bons sonhos.

Contemplar o nascer do sol.

Dançar.

Descobrir que o amor é eterno e incondicional.

Dirigir numa estrada bonita.

Escutar a música preferida no rádio.

Fazer novos amigos e ficar junto dos velhos.

Ir a um bom show.

Levantar de manhã e agradecer a Deus por mais um lindo dia!

Os amigos.

Ouvir acidentalmente alguém falar bem de você.

Receber e-mails.

Rir até sentir o rosto doer.

Ter calafrios ao ver aquela pessoa especial.

Um olhar carinhoso.

Uma boa conversa.

Autor desconhecido

Os segredos do sucesso

Cultive amigos.

Dimensione seus problemas e não se deixe abater por eles. Tenha fé, energia e acredite em seu imenso potencial.

Em vez de reclamar quando o relógio despertar, agradeça a Deus pela oportunidade de acordar e viver mais um dia.

Fale de coisas boas, de saúde, de sonhos, de realizações, quando conversar com alguém.

Idealize um modelo de competência e faça sua auto-avaliação para saber o que lhe está faltando para chegar lá.

Jamais viva só para seu trabalho. Tenha outras atividades paralelas, como esportes e leitura, por exemplo.

Não viva emoções mornas e vazias. Cultive seu interior e extraia o máximo das pequenas coisas.

Nunca se lamente. Ajude-se e também colabore para que outras pessoas percebam o que há de bom dentro delas.

O bom humor é contagiante: espalhe-o.

Ocupe seu tempo crescendo e desenvolva sua habilidade e seu talento. Tire proveito de seus erros e amplie seus conhecimentos.

Perdoe sempre! Seja grande para os aborrecimentos, nobre para a raiva e forte para vencer o medo.

Seja transparente e deixe que as pessoas saibam que as estima e precisa delas.

Torne suas obrigações atraentes. Tenha garra e determinação. Mude, opine, ame o que faz. Não trabalhe só por dinheiro e sim pela satisfação da missão cumprida.

Transforme seus momentos difíceis em oportunidade. Seja criativo, busque alternativas e apresente soluções e não problemas.

Veja o lado positivo das coisas e assim transformará seu otimismo em realidade. Não inveje. Admire! Seja um entusiasta do sucesso alheio como seria do seu próprio.

Finalmente, ria das coisas à sua volta, de seus problemas, de seus erros, ria da vida. Começamos a ser felizes quando somos capazes de rir de nós mesmos.

Autor desconhecido

"Jesus, o segredo do meu sucesso".

Não te amo mais

"Leia o texto abaixo e depois leia de baixo para cima"

Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais...

Clarice Lispector

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Sou Jesus!

Quando, nas horas de íntimo desgosto, o desalento invadir sua alma e as lágrimas aflorarem aos seus olhos, busque-me:
— Sou aquele que sabe sufocar seu pranto e estancar suas lágrimas!

Quando se julgar incompreendido pelos que o circundam e vir que em torno só há indiferença, acerque-se de mim:
— Sou a luz, sob cujos raios se aclaram a pureza de suas intenções e a nobreza de seus sentimentos!

Quando lhe faltar calma, nos momentos de maior aflição, e se considerar incapaz de conservar a serenidade de espírito, invoque-me:
— Sou a paciência que o leva a vencer os transes mais dolorosos, fazendo-o triunfar nas situações mais difíceis!

Quando a tristeza e a melancolia invadirem seu coração e tudo lhe causar aborrecimento, chame por mim:
— Sou a alegria que insufla um alento novo e o faz conhecer os encantos do seu mundo interior!

E quando, enfim, quiser saber quem sou, pergunte ao riacho que murmura, ao pássaro que canta, à flor que desabrocha, à estrela que cintila, ao moço que espera e ao velho que recorda.
Chamo-me AMOR, o remédio para todos os males que atormentam o espírito.

SOU JESUS!

Autor desconhecido

terça-feira, 13 de abril de 2010

Jornalismo irresponsável e tendencioso

Já escrevi aqui a minha posição frente aos casos de pedofilia que acontecem dentro da Igreja Católica. Não vou comentá-la novamente, mas quero deixar expresso o meu descontentamento de como a imprensa vem conduzindo o caso de pedofilia por padres. É válido o papel da imprensa na fiscalização do cumprimento da lei, mas o que tem se observado na imprensa mundial (BBC‚ New York Times, etc.) e na Imprensa brasileira‚ principalmente SBT‚ Band‚ Record e Globo‚ é que não apenas há interesse de mostrar os casos de pedofilia da Igreja‚ mas associá-los à credibilidade dela. É evidente que a intenção não é fim da pedofilia‚ e sim o fim da Igreja.

Nos programas do SBT e da Record sobre o caso‚ é sempre mostrado que a pedofilia é comum em todo o mundo‚ mas na Igreja Católica tem seu maior exponencial. Sempre que falam de bispos que acobertaram os casos de vários padres‚ mostram quase sempre‚ irresponsavelmente‚ a imagem do Papa Bento XVI‚ como forma de pré-julgamento da pessoa e do caráter do atual PAPA.

No Brasil existem mais de 20 mil padres‚ e a sua grande maioria honram a sua batina e são responsáveis por milhares de obras sociais em todo o país. É uma falta de respeito com a maioria desses homens‚ que deixaram sua família‚ e abdicaram de ter uma esposa para servir uma instituição que construiu esse país e que por tais reportagens‚ que deveria focar-se na pedofilia‚ foca-se na destruição da instituição‚ isto é‚ a Igreja. o nível das reportagens apresentadas pelo SBT e pela Record (que faz um jornalismo comprometido com os interesses da igreja Universal)‚ mostra que a imprensa brasileira é irresponsável e tendenciosa quando se trata da Igreja Católica. Um caso de pedofilia‚ para as emissoras de televisão‚ já seria suficiente para prender todos os padres do Brasil.

Tudo bem que mostrem os padres pedófilos e seus superiores que acobertaram os casos‚ mas é incompreensível todo esse interesse em denegrir a instituição como um todo‚ se esta não se posicionasse como inimiga das condutas e posturas adotadas por tais emissoras.

Ora‚ será que não seria um momento oportuno para denegrir uma Igreja que:

1 – É contra o uso de preservativos;
2 – É contra o divórcio;
3 – É a favor do celibato;
4 – É contra a corrupção na política;
5 – É contra o aborto até nas situações mais difíceis;
6 – É contra a eutanásia;
7 – É contra a manipulação de células tronco embrionárias;
8 – É contra o socialismo;
9 – É contra a ONU nas suas políticas de planejamento familiar;
10 – É contra o uso de anticoncepcionais;
11 – diz ser a única deixada por Cristo;
12 – e ainda diz que fora dela não há salvação?

Poderia ficar a noite toda escrevendo quantos inimigos tem a Igreja. É lógico que seus inimigos aproveitam estes momentos de fragilidade para atacar a Igreja por completo.

A pedofilia acontece nas igrejas‚ nas escolas‚ na internet‚ e principalmente nas famílias. Em 71% dos casos‚ o abusador é o pai ou padrasto‚ segundo a pesquisa realizada pelo núcleo de estudos e pesquisas em psiquiatria Forense e Psicologia Jurídica do Hospital das Clínicas de São Paulo.

Então por que as emissoras não fazem uma reportagem para o fim da família? Ou pelo fim das escolas‚ ou pelo fim de todas as igrejas?

Mas quando se trata de Igreja Católica‚ os seus inimigos salivam.

Que os padres pedófilos saiam das paróquias e os seminaristas sem vocação saiam do seminário, pois estes ofuscam o brilho que existe na Igreja Católica que‚ por sinal‚ incomoda muita gente. Mas é certo‚ ela nunca parará de brilhar!

Abaixo a pedofilia! Abaixo os inimigos da Santa Igreja! Viva o Catolicismo!

Por Marcos Paulo Teixeira

TEMPO

TEMPO

Imagine que você tenha uma conta corrente e a cada manhã você acorda com um saldo de R$ 86.400,00.
Só que não é permitido transferir o saldo para o dia seguinte.
Todas as noites o seu saldo é zerado, mesmo que você não tenha conseguido gastá-lo durante o dia. O que você faz?
Você iria gastar cada centavo é claro! Todos nos somos clientes deste banco que estamos falando.
Chama-se "TEMPO". Todas as manhãs são creditados para cada um 86.400 segundos. Todas as noites o saldo é debitado como perda.
Não é permitido acumular este saldo para o dia seguinte. Todas as manhãs a sua conta é reinicializada, e todas as noites as sobras do dia se evaporam. Não há volta.
Você precisa gastar vivendo no presente o seu depósito diário. Invista então no que for melhor, na sua saúde, felicidade, sucesso!
O relógio está correndo. Faça o melhor para o seu dia-a-dia.

* Para você perceber o valor de "um ano", pergunte a um estudante que repetiu de ano.
* Para você perceber o valor de "um mês", pergunte para uma mãe que teve seu bebê prematuramente.
* Para você perceber o valor de "uma semana", pergunte a um editor de um jornal semanal.
* Para você perceber o valor de "uma hora", pergunte aos amantes que estão esperando para se encontrar.
* Para você perceber o valor de "um minuto", pergunte a uma pessoa que perdeu um trem.
* Para você perceber o valor de "um segundo", pergunte a uma pessoa que conseguiu evitar um acidente.
* Para você perceber o valor de "um milésimo de segundo", pergunte a alguém que venceu a medalha de prata em uma olimpíada.

Valorize cada momento que você tem! E valorize mais porque você deve dividir com alguém especial, especial o suficiente para gastar o seu tempo junto com você.

Lembre-se, o tempo não espera pôr ninguém.

Ontem é história. O amanhã é um mistério. Hoje é uma dádiva.

Pôr isso é chamado de PRESENTE.

Autor desconhecido

sexta-feira, 9 de abril de 2010

30 anos de trabalho, cadê a minha aposentadoria?


O maior sonho do trabalhador é se aposentar depois de vários longos anos de trabalho, seja no setor privado ou no público, contribuindo com o engrandecimento da nação. Mas com o passar dos anos está ficando cada vez mais difícil o cidadão comum se aposentar, pois o governo sempre está mudando as regras das aposentadorias, alegando o aumento da expectativa de vida do brasileiro, fazendo com que o trabalhador contribua por mais tempo, aumentando a idade da aposentadoria.

No dia 09 de abril de 1980, assinei o contrato de trabalho com o Governo de Sergipe através da Secretaria de Estado da Educação e Cultura, que me autorizava a lecionar aulas de Educação Física no Colégio Estadual “Murilo Braga”, escola onde estudei por 7 anos e continuo trabalhando com orgulho.

Passados 30 anos de trabalho era para eu está aposentado de acordo com a Lei em vigência na época do contrato, que determinava o tempo de serviço por 30 anos para o professor do sexo masculino, mas em 1998, durante o Governo de Fernando Henrique Cardoso, PSDB, o congresso aprovou e o Presidente sancionou uma nova Lei da Previdência, na qual o professor terá que trabalhar 30 anos e ter 55 anos de idade para se aposentar. Esta Lei mudou a aposentadoria de todos os brasileiros, menos a dos políticos.

A Lei é injusta porque abordou igualmente os que estavam iniciando o trabalho e aqueles que faltavam meses para se aposentar, como também prejudicou o professor que começou a trabalhar novo. Um professor que iniciou a trabalhar com 25 anos de idade em abril de 1980 está se aposentando este ano, enquanto eu, que comecei a trabalhar com 18 anos no mesmo ano, terei que trabalhar mais 7 anos para poder me aposentar.

O que mais me deixa indignado e revoltado é saber que os deputados estaduais e federais, inclusive aqueles que aprovaram a Lei, depois de 3 legislaturas, ou seja, 12 anos de “trabalho”, se aposentam com salário integral; os governadores e o Presidente se aposentam após um mandato, ou seja, com 4 anos de “trabalho”, com o salário igual ao Desembargador Estadual se for Governador e igual ao Ministro do Supremo Federal se for Presidente. Eles mudaram a Lei da aposentadoria dos professores e de todos os brasileiros, mas a deles não, deve ser porque eles trabalham muito, ganham pouco e a expectativa de vida deles é baixa. Como diz o ditado popular: “Farinha pouca, meu pirão primeiro”.

Que a população, e especialmente o professor, escolha o candidato a presidente da República com discernimento, cidadania e inteligência para não ter a sua aposentadoria aumentada para 60, 70 ou 80 anos, por um candidato que pertence à mesma sigla partidária de FHC e que deverá seguir o mesmo modelo de governo, caso seja eleito presidente do Brasil.

Em respeito aos meus alunos, ao Colégio Estadual “Murilo Braga”, a minha profissão e ao zelo do meu nome, continuarei trabalhando com respeito, responsabilidade, seriedade, compromisso e dedicação como quando iniciei há 30 anos, mesmo sabendo que em 09 de abril de 2010 eu deveria estar aposentado.

Cadê a minha aposentadoria? O gato comeu. Ou foi o “tucano” que a comeu?

Por Professor José Costa

quinta-feira, 8 de abril de 2010

A vida profissional do Professor José Costa







Nestes 30 anos de trabalho com a educação física e esportes, o que mais me gratifica não é ter ganhado mais de duzentas medalhas nas diversas competições e sim, de ter contribuído na formação integral de milhares de alunos, transmitindo valores e princípios morais.

Por Professor José Costa

Professor José Costa - 30 anos superando desafios

Superando desafios

Desde que nascemos superamos desafios todos os dias de nossas vidas, os quais podem ser fáceis ou difíceis, importantes ou não, colocados a nós de acordo com a situação que estamos vivendo no momento. Os desafios são provas e obstáculos que surgem no decorrer de nossas vidas; eles nos ensinam a crescer, a superar nossos limites e a conquistar o espaço reservado a nós na sociedade. Eles acontecem no trabalho, no casamento, na família, nos estudos, nos esportes, nos relacionamentos e com a saúde; através da perda de um ente querido, da superação de perda do emprego e conquista de outro, de deixar a vida de solteiro, se casar e construir uma nova família, da luta pela cura de uma doença, da passagem da fase de adolescente para a adulta, do término dos estudos no ensino médio e a aprovação no vestibular e principalmente, do desafio de aprender a conviver e respeitar o outro como ser humano.

Durante a minha vida profissional sempre apareceram desafios, mas alguns se destacaram pelas circunstâncias e pelos períodos que ocorreram, foram e continuam sendo um aprendizado a cada dia que passa.

Durante 16 anos de trabalho no Colégio Estadual Murilo Braga, apenas ensinei o basquete nas aulas de educação física, mas com a implantação da nova LDB em 1996, elas foram modificadas com a inclusão de conteúdos teóricos, outros esportes e temas transversais. Foi difícil me adaptar, mas a minha determinação de acompanhar as novas tendências da educação fez com que me aprimorasse, superasse limites e atualizasse participando de cursos específicos, lendo e conversando com outros professores sobre os diversos assuntos. Hoje me sinto realizado em dá este tipo de aula na escola pública em substituição ao esporte competitivo.

Em 1993 fui convidado a dar aulas de basquete no Colégio Dom Bosco, mas no ano seguinte os alunos optaram em praticar o voleibol e tive que optar em perder o emprego ou ensinar este esporte, e foi o que decidi, arregacei as mangas, comprei livros, fiz vários cursos e pesquisei bastante; dois anos depois ganhei o primeiro título escolar dos quatros conquistados em Sergipe, chegando a representar o Estado nos JEB’s, em Brasília, com as meninas do Dom Bosco. Em 2008, aceitei o desafio de ensinar handebol a nível competitivo e o Dom Bosco sagrou-se campeão masculino da seletiva do interior dos Jogos da Primavera, em Lagarto. Continua sendo uma experiência realizadora trabalhar com esportes que não sejam o basquete, o qual ensino há 29 anos.

No Salesiano sempre ensinei basquete e educação física do ensino fundamental ao médio. Em 2004, aceitei o desafio de ensinar pela primeira vez em minha vida as quartas séries, hoje 5º ano. Superei os obstáculos e dificuldades por nunca ter trabalhado com alunos na faixa etária de 9 a 10 anos, mas foi gratificante porque aprendi a ter mais paciência e aceitar a ser “tio”.

Em 2009, para minha surpresa e satisfação, fui convidado pelo Colégio Graccho, ao maior desafio de minha vida profissional depois de 20 anos de dedicação a esta instituição, educar através da educação física escolar, alunos do 2º ao 5º ano do ensino fundamental, antigo primário. Este desafio foi difícil por causa da idade dos alunos que ia de 6 a 10 anos, pois precisavam de mais atenção, carinho e respeito, exigindo de mim ser “tio”, psicólogo, enfermeiro, segundo pai e principalmente, um educador com a responsabilidade de contribuir na formação integral destas crianças. Eu não era apenas o professor de basquete, mas também de voleibol, handebol e educação física escolar.

Este ano estou abraçando um novo desafio na minha vida profissional, o de lecionar teoria nas aulas de educação física em sala de aula e dá aulas práticas no Ginásio de esportes que não faz parte do Colégio O Saber, que por ser uma escola com apenas 10 anos de existência ainda não tem seu ginásio, mas por entender o valor da educação física na formação integral dos seus alunos, aluga o referido ginásio para ter as aulas, mesmo a uma pequena distância da escola.
Relato estes desafios da minha profissão não para me enaltecer, mas para que sirvam de lições, motivações e exemplos. Se aparecer desafios no percurso de sua vida, faça como eu, aceite-os, enfrente-os, não se intimide, não se desespere, não se acomode, tenha fé, encontre novos caminhos e soluções, recomece, aproveite as oportunidades, faça o melhor possível e compartilhe com todos as experiências adquiridas.

Em todos os desafios são encontradas dificuldades, problemas, incompreensões e obstáculos, mas nada que não possa ser resolvido ou superado com determinação, dedicação e força de vontade, pedindo a Deus que ilumine e guie seus passos no caminho certo para superá-los quando forem surgindo na sua vida.

Por Professor José Costa

Professor José Costa - 30 anos dedicados à juventude sergipana


No Colégio Estadual Murilo Braga


No Colégio Salesiano


No Colégio Graccho


No Colégio Dom Bosco


No Colégio O Saber

terça-feira, 6 de abril de 2010

Filhos de políticos nas escolas públicas

Como melhorar a educação? Obrigando presidente, governadores, prefeitos e parlamentares a testar o ensino público - com suas próprias crianças.

Quanto custa estudar no Brasil? Depende. Se você estiver entre os 20% mais ricos da população, vai chegar ao fim de 20 anos de colégio e faculdade com uma formação de aproximadamente R$ 250 mil. Isso significa cerca de R$ 1 mil por mês. Nessa conta entram o dinheiro que você tira do próprio bolso para pagar as mensalidades e a contribuição que o governo faz (com investimento em universidades estatais e deduções de imposto). Agora, se você fizer parte dos outros 80%, sua educação receberá um investimento bem menor: o equivalente a R$ 116 por mês. Esse é o total gasto pelo país por aluno para manter as escolas públicas, onde não se passa muito tempo. Em média, essa parte da população completa só 5 anos de estudo formal, geralmente entre os 7 e os 11 anos de idade.
Ou seja: enquanto ricos estudam em escolas de qualidade por um longo tempo, o resto estuda por pouco tempo em escolas ruins. Como senador, tenho um projeto que pretende amenizar essa desigualdade. Minha proposta é a de que políticos eleitos - vereadores, prefeitos, deputados, senadores e o presidente - fiquem obrigados a matricular seus filhos em escolas públicas. Caso contrário, perderão seu mandato. O projeto já foi apresentado e agora espera avaliação do Senado e da Câmara.
No Brasil do passado, só classes com influência tinham vaga nas boas escolas públicas. Filhos de pobres não estudavam, ou frequentavam colégios particulares mantidos pela Igreja Católica, como seminários. Hoje filhos de eleitos estão entre os 20% mais ricos, em geral. E vão a colégios particulares.
Em lugares como Reino Unido e Cingapura, políticos nem pensam em colocar os filhos em escolas particulares. Os eleitores não aceitariam essa escolha, porque ela significaria ignorar a boa qualidade das escolas públicas de lá. Se um político é descoberto matriculando o filho no ensino privado, acaba nos jornais. Tem de se desculpar publicamente e transferir a criança para uma instituição pública.
Se políticos brasileiros tiverem de matricular os filhos em escolas públicas, elas receberão mais atenção dos governantes. O resultado será um ensino de qualidade para todos. E um país mais próximo dos princípios republicanos, com uma sociedade unida, sem divisão entre aristocracia e plebe. Há quem diga que essa obrigação fere a liberdade do político. Mas todo cidadão é livre para não ser candidato. Se ele opta pela vida pública, deve assumir obrigações. Esse seria só mais um de seus compromissos com os eleitores, com a nação e com a República.

Autor: Cristovam Buarque, professor de economia da Universidade de Brasília e senador pelo PDT/DF.

O ELEFANTE ACORRENTADO

"O ELEFANTE ACORRENTADO"

Você já observou um elefante no circo?

Durante o espetáculo, o enorme animal faz demonstrações de força descomunais.

Mas, antes de entrar em cena, permanece preso, quieto, contido somente por uma corrente que aprisiona uma de suas patas a uma pequena estaca cravada no solo.

A estaca é só um pequeno pedaço de madeira. E, ainda que a corrente fosse grossa, parece óbvio que ele, capaz de derrubar uma árvore com sua própria força, poderia, com facilidade, arrancá-la do solo e fugir.

Que mistério!!!

Por que o elefante não foge?

Perguntei a um adestrador e ele me explicou que o elefante não escapa porque está adestrado.

Fiz então a pergunta óbvia:

“Se está adestrado, por que o prendem?”

Não houve resposta!

Há alguns anos descobri que, por sorte minha, alguém havia sido bastante sábio para encontrar a resposta:

O elefante do circo não escapa porque foi preso à estaca ainda muito pequeno!!!

Fechei os olhos e imaginei o pequeno recém-nascido preso: naquele momento, o elefantinho puxou, forçou, tentando se soltar.

E, apesar de todo o esforço, não pôde sair. A estaca era muito pesada para ele. E o elefantinho tentava, tentava e nada.

Até que um dia, cansado, aceitou o seu destino: ficar amarrado na estaca, balançando o corpo de lá para cá, eternamente, esperando a hora de entrar no espetáculo.

Então, aquele elefante enorme não se solta porque acredita que não pode. Jamais, jamais voltou a colocar à prova sua força. Isso muitas vezes acontece conosco!

Vivemos acreditando em um montão de coisas

"que não podemos ter",
"que não podemos ser",
"que não vamos conseguir",

Simplesmente porque, quando éramos crianças e inexperientes, algo não deu certo ou ouvimos tantos "nãos" que "a corrente da estaca" ficou gravada na nossa memória com tanta força que perdemos a criatividade e aceitamos o "sempre foi assim".

De vez em quando sentimos as correntes e confirmamos o estigma:

"não posso",
"é muita terra para o meu caminhãozinho",
"nunca poderei",
"é muito grande para mim!"

A única maneira de tentar de novo é não ter medo de enfrentar as barreiras, colocar muita coragem no coração e não ter receio de arrebentar as correntes!

Vá em frente você consegue!!!

(PROF. DAMÁSIO DE JESUS)

As 3 peneiras antes de falar


Em tempos em que tanto ouvimos, lemos e assistimos, propomos para reflexão essa passagem:

Um rapaz procurou Sócrates e lhe disse que precisava contar algo.

Sócrates ergueu os olhos do livro que lia e perguntou: “O que vai me contar já passou pelas três peneiras ?”. “Três peneiras ?”, retrucou o rapaz. “Sim.

A primeira é a verdade. O que você quer contar dos outros é um fato ? Caso tenha apenas ouvido falar, a coisa dever morrer por aí mesmo. Suponhamos que seja verdade.

Deve, então, passar pela segunda peneira: a bondade. O que vai contar é coisa boa ? Ajuda a construir o caminho, a fama do próximo ?

Se o que você quer contar é verdade e bom, deve ainda passar pela terceira peneira: necessidade. Convém contar isso ? É mesmo necessário ? Resolve algo ? Ajuda a comunidade de alguma maneira ? Pode melhorar o mundo ? Se passar pelas três peneiras, conte.

Tanto eu quanto você e o próximo iremos nos beneficiar. Caso contrário, esqueça tudo. Será uma fofoca a menos a envenenar o ambiente e a levar discórdia entre os homens”.

Presente para você


Se eu pudesse deixar algum presente a você,
Deixaria aceso o sentimento de amar a vida dos seres humanos.
A consciência de aprender tudo o que foi ensinado pelo tempo afora.
Lembraria os erros que foram cometidos para que não mais se repetissem.
A capacidade de escolher novos rumos.
Deixaria para você, se pudesse, o respeito àquilo que é indispensável: além do pão, o trabalho. Além do trabalho, a ação.
E,quando tudo o mais faltasse, um segredo: o de buscar no interior de si mesmo a resposta e a força para encontrar a saída.

Gandhi

domingo, 4 de abril de 2010

PARADOXO DO NOSSO TEMPO

Paradoxo do nosso tempo

Nós bebemos demais, gastamos sem critérios. Dirigimos rápido demais, ficamos acordados até muito mais tarde, acordamos muito cansados, lemos muito pouco, assistimos TV demais e raramente estamos com Deus.

Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.

Nós falamos demais, amamos raramente, odiamos frequentemente.

Aprendemos a sobreviver, mas não a viver; adicionamos anos à nossa vida e não vida aos nossos anos.

Fomos e voltamos à Lua, mas temos dificuldade em cruzar a rua e encontrar um novo vizinho. Conquistamos o espaço, mas não o nosso próprio.

Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores.

Limpamos o ar, mas poluímos a alma; dominamos o átomo, mas não nosso preconceito; escrevemos mais, mas aprendemos menos; planejamos mais, mas realizamos menos.

Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.

Construímos mais computadores para armazenar mais informação, produzir mais cópias do que nunca, mas nos comunicamos cada vez menos.

Estamos na era do “fast-food' e da digestão lenta; do homem grande, de caráter pequeno; lucros acentuados e relações vazias.

Essa é a era de dois empregos, vários divórcios, casas chiques e lares despedaçados.

Essa é a era das viagens rápidas, fraldas e moral descartáveis, das rapidinhas, dos cérebros ocos e das pílulas 'mágicas'.

Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na dispensa.

Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas não estarão aqui para sempre.

Lembre-se dar um abraço carinhoso em seus pais, num amigo, pois não lhe custa um centavo sequer.

Lembre-se de dizer 'eu te amo' à sua companheira(o) e às pessoas que ama, mas em primeiro lugar, se ame, se ame muito.

Um beijo e um abraço curam a dor, quando vêm de lá de dentro.

Por isso, valorize sua família e as pessoas que estão ao seu lado, sempre!!!!!

Autor: George Carlin

MILHÕES DE CRIANÇAS E JOVENS FORA DA ESCOLA

4,1 milhões de crianças e jovens estão fora da escola, diz secretária da Educação Básica

Mais de 4,1 milhões de crianças e jovens em idade escolar (de 4 a 17 anos) estão fora das salas de aula. A informação é da secretária da Educação Básica do MEC (Ministério da Educação), Maria do Pilar Lacerda, baseada na Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio), realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
Deste total, 3,5 milhões têm 4 ou 5 anos ou já são adolescentes com 15 a 17 anos. A inclusão destas duas faixas etárias no sistema de ensino passou a ser obrigatória somente a partir do ano passado, com a aprovação da Emenda Constitucional 59 - que também determinou o fim gradual da DRU (Desvinculação das Receitas da União). Os Estados e municípios têm prazo até 2016 para fazer a inclusão destes potenciais alunos no sistema de ensino.
De acordo com Pilar, outros 680 mil jovens, com 7 a 14 anos, também não frequentam as salas de aula. "Eles são 2% das crianças nessa faixa etária, que o governo faz busca ativa para incluir", afirma. Esta faixa etária, no entanto, já deveria estar integralmente incluída nos colégios de todo o país.
A secretaria explica que estes 680 mil não matriculados são, em sua maioria, pessoas com deficiências, jovens do campo ou de populações ribeirinhas, com dificuldades de acesso à rede.
Novo levantamento de dados
Pilar afirma que um novo levantamento com os problemas na oferta de vagas em cada rede de ensino deverá ficar pronto até maio. Informações mais precisas são fundamentais porque, de acordo com ela, há muita diferença entre os municípios e Estados.
“A cidade de Pará de Minas tem 100% das crianças matriculadas em escolas de educação infantil, enquanto há estados ricos que não têm 50%”, disse.
A universalização do ensino foi um dos temas em debate na Conae (Conferência Nacional de Educação), realizada em Brasília. Uma das metas da reunião foi tirar as diretrizes para um sistema nacional de educação.

Simone Harnik – Brasília

Os políticos deveriam melhorar o sistema público de educação no país investindo mais recursos em novas escolas, reformas nas já existentes, melhoria do transporte escolar e merenda de qualidade; capacitar os profissionais da área e melhorar o salário dos professores, aí sim, teríamos uma educação pública de qualidade, mas ao invés disto, eles criaram um Sistema de Cotas para o ingresso dos alunos das escolas públicas, negros, pardos e índios nas Universidades, afirmando que estes alunos estão competindo de igualdade com os da escola particular, mesmo sem melhorar a qualidade do ensino público; eles estão querendo é tapar o sol com a peneira, é iludir a sociedade brasileira. Professor José Costa.

A TERRA EM MINIATURA

A TERRA EM MINIATURA

Se pudéssemos reduzir a população da Terra à uma pequena aldeia de exatamente 100 habitantes, mantendo as proporções existentes atualmente, seria algo assim:

Haveriam:

57 asiáticos
21 europeus
4 pessoas do hemisfério oeste (tanto norte como sul)
8 africanos

52 seriam mulheres
48 homens
70 não seriam brancos
30 seriam brancos
70 não cristãos
30 cristãos
89 heterossexuais
11 homossexuais confessos

6 pessoas possuiriam 59% da riqueza de toda a aldeia e os 6 seriam norte americanos.

Das 100 pessoas, 80 viveriam em condições subhumanas.

70 não saberiam ler
50 sofreriam de desnutrição
1 pessoa estaria a ponto de morrer
1 bebê estaria prestes a nascer
Só 1 teria educação universitária

Nesta aldeia haveria só1 pessoa que possuiria um computador.

Ao analizar nosso mundo desta perspectiva tão reduzida é quando
se faz mais premente a necessidade de aceitação, entendimento e educação.


Agora pense...

Se você levantou esta manhã com mais saúde que doenças, então, você tem mais sorte que os milhões de pessoas que não sobreviverão nesta semana.

Se você nunca experimentou os perigos da guerra, a solidão de estar preso, a agonia de ser torturado ou a aflição da fome, então, está melhor do que 500 milhões de pessoas.

Se você pode ir à sua igreja sem medo de ser humilhado, preso, torturado ou morto, então você é mais afortunado que 3 milhões de pessoas no mundo.


Se você tem comida na geladeira, roupa no armario, um teto sobre sua cabeça
e um lugar onde dormir, você é mais rico que 75% da população mundial.

Se você guarda dinheiro no banco, na carteira e tem algumas moedas em um cofrinho, já está entre os 8% mais ricos deste mundo.

Se teus pais ainda estão vivos e unidos, você é uma pessoa muito rara.

Se você leu esta mensagem, tem melhor sorte que mais de 2 bilhões de pessoas neste mundo que não sabem, sequer ler.

Como fundar uma igreja


O primeiro milagre do heliocentrismo

Eu, Claudio Angelo, editor de Ciência da Folha, e Rafael Garcia, repórter do jornal, decidimos abrir uma igreja. Com o auxílio técnico do departamento Jurídico da Folha e do escritório Rodrigues Barbosa, Mac Dowell de Figueiredo Gasparian Advogados, assim o fizemos.
Precisamos apenas de R$ 418,42 em taxas e emolumentos e de cinco dias úteis (não consecutivos). É tudo muito simples. Não existem requisitos teológicos ou doutrinários para criar um culto religioso. Tampouco se exige número mínimo de fiéis.
Com o registro da Igreja Heliocêntrica do Sagrado Evangelho e seu CNPJ, pudemos abrir uma conta bancária na qual realizamos aplicações financeiras isentas de IR e IOF. Mas esses não são os únicos benefícios fiscais da empreitada.
Nos termos do artigo 150 da Constituição, templos de qualquer culto são imunes a todos os impostos que incidam sobre o patrimônio, a renda ou os serviços relacionados com suas finalidades essenciais, as quais são definidas pelos próprios criadores. Ou seja, se levássemos a coisa adiante, poderíamos nos livrar de IPVA, IPTU, ISS, ITR e vários outros "Is" de bens colocados em nome da igreja.

Há também vantagens extra tributárias. Os templos são livres para se organizarem como bem entenderem, o que inclui escolher seus sacerdotes.
Uma vez ungidos, eles adquirem privilégios como a isenção do serviço militar obrigatório (já sagrei meus filhos Ian e David ministros religiosos) e direito à prisão especial.

Se levarmos em conta, pelo último senso do IBGE que temos 19% de evangélicos e uma população de 192 000 000, teremos 36 500 000 evangélicos.
Supondo uma renda média mensal de R$ 800,00 por evangélico e cada um pagando seu dízimo de 10% do ganho, o faturamento mensal é de R$ 2 920 000 000,00 (dois bilhões novecentos e vinte milhões de reais por mês).
Outras religiões não ficam para trás, algumas só detem o monopólio. Tudo isso sem impostos. Viva a empresa da fé.
Porque esse privilégio?????????? Isso permite o enriquecimento rápido.
Essa concentração de riqueza a mídia e os da esquerda não tem coragem de falar, só falam dos empresários.

Alguns curiosos nomes de "igrejas" pelo Brasil:

- Igreja da Água Abençoada
- Igreja Adventista da Sétima Reforma Divina
- Igreja da Bênção Mundial Fogo de Poder
- Congregação Anti-Blasfêmias
- Igreja Chave do Éden
- Igreja Evangélica de Abominação à Vida Torta
- Igreja Batista Incêndio de Bênçãos
- Igreja Batista Ô Glória!
- Congregação Passo para o Futuro
- Igreja Explosão da Fé
- Igreja Pedra Viva
- Comunidade do Coração Reciclado
- Igreja Evangélica Missão Celestial Pentecostal
- Cruzada de Emoções
- Igreja C.R.B. (Cortina Repleta de Bênçãos)
- Congregação Plena Paz Amando a Todos
- Igreja A Fé de Gideão
- Igreja Aceita a Jesus
- Igreja Pentecostal Jesus Nasceu em Belém
- Igreja Evangélica Pentecostal Labareda de Fogo
- Congregação J. A. T. (Jesus Ama a Todos)
- Igreja Evangélica Pentecostal a Última Embarcação Para Cristo (quem perder vai ficar!!!)
- Igreja Pentecostal Uma Porta para a Salvação
- Comunidade Arqueiros de Cristo
- Igreja Automotiva do Fogo Sagrado
- Igreja Batista A Paz do Senhor e Anti-Globo
- Assembléia de Deus do Pai, do Filho e do Espírito Santo
- Igreja Palma da Mão de Cristo
- Igreja Menina dos Olhos de Deus
- Igreja Pentecostal Vale de Bênçãos
- Associação Evangélica Fiel Até Debaixo D'Água
- Igreja Batista Ponte para o Céu
- Igreja Pentecostal do Fogo Azul
- Comunidade Evangélica Shalom Adonai, Cristo!
- Igreja da Cruz Erguida para o Bem das Almas
- Cruzada Evangélica do Pastor Waldevino Coelho, a Sumidade
- Igreja Filho do Varão
- Igreja da Oração Eficiente
- Igreja da Pomba Branca
- Igreja Socorrista Evangélica
- Igreja 'A' de Amor
- Cruzada do Poder Pleno e Misterioso
- Igreja do Amor Maior que Outra Força
- Igreja Dekanthalabassi
- Igreja dos Bons Artifícios
- Igreja Cristo é Show
- Igreja dos Habitantes de Dabir
- Igreja 'Eu Sou a Porta'
- Cruzada Evangélica do Ministério de Jeová, Deus do Fogo
- Igreja da Bênção Mundial
- Igreja das Sete Trombetas do Apocalipse
- Igreja Barco da Salvação
- Igreja Pentecostal do Pastor Sassá
- Igreja Sinais e Prodígios
- Igreja de Deus da Profecia no Brasil e América do Sul
- Igreja do Manto Branco
- Igreja Caverna de Adulão
- Igreja Este Brasil é Adventista
- Igreja E.T.Q.B (Eu Também Quero a Bênção)
- Igreja Cenáculo de Oração Jesus Está Voltando
- Ministério Eis-me Aqui
- Igreja Evangélica Pentecostal Creio Eu na Bíblia
- Igreja Evangélica A Última Trombeta Soará
- Igreja de Deus Assembléia dos Anciãos
- Igreja Evangélica Facho de Luz
- Igreja Batista Renovada Lugar Forte
- Igreja Atual dos Últimos Dias
- Igreja Jesus Está Voltando, Prepara-te
- Ministério Apascenta as Minhas Ovelhas
- Igreja Evangélica Bola de Neve
- Igreja Evangélica Adão é o Homem
- Igreja Evangélica Batista Barranco Sagrado
- Ministério Maravilhas de Deus
- Igreja Evangélica Fonte de Milagres
- Comunidade Porta das Ovelhas
- Igreja Pentecostal Jesus Vem, Você Fica
- Igreja Evangélica Pentecostal Cuspe de Cristo
- Igreja Evangélica Luz no Escuro
- Igreja Evangélica O Senhor Vem no Fim
- Igreja Pentecostal Planeta Cristo
- Igreja Evangélica dos Hinos Maravilhosos
- Igreja Evangélica Pentecostal da Bênção Ininterrupta
- Assembléia de Deus Batista A Cobrinha de Moisés
- Assembléia de Deus Fonte Santa em Biscoitão
- "Igreija" Evangélica Muçulmana Javé é Pai
- Igreja Abre-te-Sésamo .......(Essa deve ser em Brasília para fieis do Ali Babá)
- Igreja Assembléia de Deus Adventista Romaria do Povo de Deus
- Igreja Bailarinas da Valsa Divina
- Igreja Batista Floresta Encantada
- Igreja da Bênção Mundial Pegando Fogo do Poder
- Igreja do Louvre
- Igreja ETQB, Eu Também Quero a Bênção
- Igreja Evangélica Batalha dos Deuses
- Igreja Evangélica do Pastor Paulo Andrade
- Igreja Evangélica Idolatria ao Deus Maior
- Igreja MTV, Manto da Ternura em Vida
- Igreja Pentecostal Marilyn Monroe
- Igreja Quadrangular O Mundo É Redondo
- Igreja Evangélica Florzinha de Jesus (Londrina - PR)
- Igreja Pentecostal Trombeta de Deus (Samambaia - DF)
- Igreja Pentecostal Alarido de Deus (Anápolis - GO)
- Igreja pentecostal Esconderijo do Altíssimo (Anápolis - GO)
- Igreja Batista Coluna de Fogo (Belo Horizonte - MG)
- Igreja de Deus que se Reúne nas Casas (Itaúna - MG)
- Igreja Evangélica Pentecostal da Volta do Grande Rei (Poços de Calda - MG)
- Igreja Evangélica Pentecostal Creio Eu na Bíblia (Uberlândia - MG)
- Igreja Evangélica a Última Trombeta Soará (Contagem - MG)
- Igreja Evangélica Pentecostal Sinal da Volta de Cristo (Três Lagoas - MS)
- Igreja Evangélica Assembléia dos Primogênitos (João Pessoa -PB)
- Ministério Favos de Mel (Rio de Janeiro - RJ)
- Assembléia de Deus com Doutrinas e sem Costumes (Rio de Janeiro - RJ)

Autor: Cláudio Ângelo – Jornal Ciência da Folha

sábado, 3 de abril de 2010

FELIZ PÁSCOA!

Páscoa!

É vida renovada...
É amor manifestado na doação do dia-a-dia.
É a libertação das amaras pessoais.
É busca de igualdades sociais, de vencer a dominação e lutar pela justiça.

Páscoa é fazer memória, não de um acontecimento remoto da história, mas de uma realidade vivida e constante entre os homens.

É perceber que é possível retirar a pedra do túmulo que nos mantém inertes diante de um sistema de morte, que nos toma áridos perante o sofrimento da humanidade.

Cristo ressuscitou?

Ressuscitou e quer se fazer presente de forma mais intensa na nossa vida, para que também nós sejamos libertados e promovamos a liberdade.

Cristo vive.

Feliz Páscoa!

SOLIDARIEDADE AO PAPA BENTO XVI

Nota de solidariedade ao Papa Bento XVI

O povo católico de todo o mundo acompanha, com profunda dor no coração, as denúncias de inúmeros casos de abuso sexual de crianças e adolescentes praticado por pessoas ligadas à Igreja, particularmente padres e religiosos. A imprensa tem noticiado com insistência incomum, casos acontecidos nos Estados Unidos, na Alemanha, na Irlanda, e também no Brasil.
Sem temer a verdade, o Papa Bento XVI não só reconheceu publicamente esses graves erros de membros da Igreja, como também pediu perdão por eles. Disso nos dá testemunho a carta pastoral que o Santo Padre enviou aos católicos da Irlanda e que pode se estender aos católicos de todo o mundo.
Mais do que isso, Bento XVI não receou manifestar seu constrangimento e vergonha diante desses atos que macularam a própria Igreja. Firme, o Papa condenou a atitude dos que conduziram tais casos de maneira inadequada e, com determinação, afirmou que os envolvidos devem ser julgados pelos tribunais de justiça. Não faltou ao Papa, também, mostrar a todos o horizonte da misericórdia de Deus, a única capaz de ajudar a pessoa humana a superar seus traumas e fracassos.
Às vítimas o Papa expressou ter consciência do mal irreparável a que foram submetidas. Disse Bento XVI: Sofrestes tremendamente e por isto sinto profundo desgosto. Sei que nada pode cancelar o mal que suportastes. Foi traída a vossa confiança e violada a vossa dignidade. É compreensível que vos seja difícil perdoar ou reconciliar-vos com a Igreja. Em seu nome expresso abertamente a vergonha e o remorso que todos sentimos.
Essa coragem do Sucessor de Pedro nos coloca a todos em estado de alerta. Meditamos sobre esses atos objetivamente graves, e estamos certos de que como fez o Papa devem ser enfrentados com absoluta firmeza e coragem.
É de se lamentar, no entanto, que a divulgação de notícias relativas a esses crimes injustificáveis se transforme numa campanha difamatória contra a Igreja Católica e contra o Papa. Deixam-nos particularmente perplexos os ataques frequentes e sistemáticos, ao Papa Bento XVI, como se o então Cardeal Ratzinger tivesse sido descuidado diante dessa prática abominável ou com ela conivente. No entanto, uma análise objetiva dos fatos e depoimentos dos próprios envolvidos nos escândalos revela a fragilidade dessas acusações. O Papa, ao reconhecer publicamente os erros de membros da Igreja e ao pedir perdão por esta prática, não merecia esse tratamento, que fere, também, grande parte do povo brasileiro, que sofre com esses momentos difíceis, e reza pelas vítimas e seus familiares, pelos culpados, mas também pelas dezenas de milhares de sacerdotes que, no mundo todo, procuram honrar sua vocação.
De fato, a imensa maioria de nossos sacerdotes não está envolvida nesta problemática gravemente condenável. Provavelmente, não chegam a 1% os envolvidos. Ao contrário, os demais 99% de nossos sacerdotes, de modo geral, são homens de Deus, dignos, honestos e incansáveis na doação de todas as suas energias ao seu ministério, à evangelização, em favor do povo, especialmente a serviço dos pobres e dos marginalizados, dos excluídos e dos injustiçados, dos desesperados e sofridos de todo tipo (cf. Cardeal Cláudio Hummes, 12ºENP).
No momento em que a Igreja Católica e a própria pessoa do Santo Padre sofrem duros e injustos ataques, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil manifesta sua mais profunda união com o Papa Bento XVI e sua plena adesão e total fidelidade ao Sucessor de Pedro.
A Páscoa de Cristo, que celebramos nesta semana, nos leva a afirmar com o apóstolo Paulo: Somos afligidos de todos os lados, mas não vencidos pela angústia; postos em apuros, mas não desesperançados; perseguidos, mas não desamparados; derrubados, mas não aniquilados (2Cor 4,8-9). Nossa fé nos garante a certeza da vitória da luz sobre as trevas; do bem sobre o mal; da vida sobre a morte.

quinta-feira, 1 de abril de 2010

O QUANDO DE DEUS

O Quando de Deus

Quando o sonho se desfaz...
Deus reconstrói!

Quando se acabam as forças...
Deus renova!

Quando é inevitável conter as lágrimas...
Deus dá alegria!

Quando não há mais amor...
Deus o faz nascer!

Quando a maldição é certa...
Deus a transforma em benção!

Quando parece ser o final...
Deus dá novo começo!

Quando a aflição quer persistir...
Deus nos envolve com a paz!

Quando a doença assola...
Deus é quem cura!

Quando o impossível se levanta...
Deus o torna possível!

Quando faltam as palavras...
Deus sabe o que queremos dizer!

Quando tudo se parece fechar...
Deus abre uma nova porta!

Quando você diz: “Não vou conseguir”
Deus diz: “Não temas, pois estou contigo!”

Quando o coração é machucado por alguém...
Deus é que derrama o bálsamo curador!

Quando não há possibilidades...
Deus faz o milagre!

Quando só há morte...
Deus nos faz persistir!

Quando a noite parece não ter fim...
Deus faz nascer o amanhecer!

Quando caímos num profundo abismo...
Deus estende sua mão e nos tira de lá!

Quando tudo é dor...
Deus dá o refrigério!

Quando o calor da provação é grande...
Deus dá a sombra de sua presença!

Quando o inverno parece infinito...
Deus traz o verão!
Quando não existe mais fé...
Deus diz: “Crê!”

Quando estamos a um passo do inferno...
Deus nos dá a direção do céu!

Quando não temos nada...
Deus nos dá tudo!

Quando alguém diz que não somos nada...
Deus diz que somos mais que vencedores!

Quando difícil se torna caminhar...
Deus nos carrega no colo!

Quando fraquejamos...
Deus nos fortalece!

Anônimo