quarta-feira, 19 de junho de 2013

Os melhores alimentos caipiras

Amendoim, doce de abóbora, bolo de fubá. Todas essas delícias fazem parte da festa junina realizada em boa parte do Brasil. Veja os benefícios dos alimentos que compõem o cardápio caipira

As típicas festas juninas realizadas pela maioria da população brasileira carregam muita tradição cultural nas danças, brincadeiras, decoração e em suas famosas receitas — curau, bolo de fubá, pamonha, pé de moleque e paçoquinha. O que muitos não sabem é que os principais ingredientes utilizados nesse evento festivo (gengibre, amendoim, milho-verde, canela, abóbora e mandioca) possuem propriedades que auxiliam no combate e tratamento de muitas doenças, como reumatismo, gripes, artrite, e até problemas cardiovasculares.

Milho-verde

Puro ou como ingrediente, é uma importante fonte de energia para o homem. O milho também possui vitaminas B1 e E, assim como sais minerais, que são fundamentais para o bom funcionamento do intestino, participam da absorção dos carboidratos, retardando a absorção da glicose (açúcar), alteram a captação de alguns minerais do intestino e agem de forma positiva namanutenção do nível de colesterol. Por estas razões, o milho pode e deve ser incluído na dieta diária em saladas, misturado com outros grãos ou legumes, ou no lanche da tarde, uma espiga média. A quantidade ideal é de 2 colheres de sopa cheias por dia.

Mandioca

Rica em sais minerais, como ferro, cálcio e fósforo, além de vitaminas do complexo B e grande quantidade de potássio. É fonte de fibras vegetais, ajudando no trânsito intestinal, rico em amido, e não contém glúten. A mandioca também aumenta os níveis de serotonina, neurotransmissor que age nas regiões do cérebro responsáveis pela sensação de bem-estar. Pode ser transformada em farinha, uma das maneiras mais utilizadas, como na tapioca. Outras iguarias e modos de preparar a mandioca: beijus, sopas, pirões e mingaus. O ideal é consumi-la em pequenas quantidades (um prato pequeno) diariamente, ou substituí-la por outros tipos de carboidratos.

Amendoim

Rico em vitamina B3, ele colabora para a vasodilatação sanguínea, melhorando a circulação. Apesar do alto valor calórico, o amendoim é uma fonte de fibras que traz saciedade e ajuda a perder peso. Por ser considerado um dos alimentos mais completos em nutrientes (rico em proteínas, vitaminas, lipídios, carboidratos e sais minerais), o amendoim tem bastante aceitação. É útil nas defesas naturais do organismo. Recomenda-se o consumo de uma porção pequena de 50 g (1 xícara de chá ao dia). Porém, antes da compra, é fundamental verificar se o produto possui selo de qualidade.

Canela

Tem alto poder antioxidante, além de ser bactericida e antifúngica. É fonte de fibra, ferro e cálcio. Atua na redução dos níveis de glicose no sangue e colesterol. Alivia dores de cabeça e enxaqueca, auxilia na digestão e age como coadjuvante na melhora de outras enfermidades. Seu alto consumo pode lesar fígado e rim. A dose benéfica recomendada é uma porção de 1 g (uma colher de café rasa) ao dia. As melhores formas de consumi-la são em chás ou tempero para os alimentos.

Abóbora

Entre os benefícios estão a redução do colesterol, a melhora do humor e do sistema imunológico e a  capacidade de auxiliar no emagrecimento. Uma xícara de abóbora cozida (purê) contém mais de 200% da recomendação diária de vitamina A, o que ajuda a visão. O alimento é rico em carotenóides, componentes antioxidantes que previnem o câncer. A quantidade diária recomendada é de uma porção de 150 g (1 xícara de chá), cozida no vapor ou crua em saladas.

Gengibre

Indicado nas dietas de desintoxicação é um potente anti-inflamatório, anticoagulante e bactericida.Alivia náuseas, vômitos, dores de cabeça, gripes, diarreia, dor de estômago e reumatismo. Estimula o trânsito intestinal e evita a formação de gases. Pode ser consumido cru ou cozido. A dose indicada é 200 a 400 mg por dia (1 colher de sobremesa). Para emagrecer, a dica é misturar uma colher de gengibre ralado ao suco de 1 limão. O chá pode ser consumido todos os dias. Como tempero, use na mesma proporção que o alho e a cebola.

Fonte: http://revistavivasaude.uol.com.br/guia/conheca-os-melhores-alimentos-caipiras/867/ - Texto: Tamiris Cobêro/ Fotos: Danilo Tanaka/ Produção: Janaina Resende/ Adaptação: Letícia Maciel

Um comentário:

  1. Boa noite! Estou com um novo agregador de links para divulgação de sites e blogs. Venha fazer parceria! Para começar a usar é só colaborar curtindo nossa página nas redes sociais e publicando nosso banner se você tiver área específica para isso. Se tiver interesse por favor me retorne a mensagem. Pode falar comigo pelo Facebook também: https://www.facebook.com/pages/Curioso-Links/155672684629992?ref=hl
    Grato,
    Anderson - www.curiosolinks.com.br

    ResponderExcluir